Espaço Literário

O Melhor da Web

 


Sua contribuição é muito importante!
Peço que as poesias tenham a autorização e/ou respeite o crédito do autor.

Se algum texto violar essa regra ou se o autor pedir para retirar, este será deletado de nosso banco de dados.
Qualquer abuso favor entrar em contato e comunicar o fato.
Desde já agradeço!
Cláudio Joaquim


Principal >> Mural INCLUIR TEXTO NO MURAL
12/01/2009 16:13:15 :: LADISLAU FLORIANO
FOGO NO SERTÃO

NA CALADA NOTURNA
VEM O HUMILDE IRMÃO
NO SEU OMBRO SE ARRUMA
SEU SURRADO VIOLÃO.
VEM CRUZANDO AS TAPERAS
PAISAGENS SERTANEIRAS
ANSIOSA LHE ESPERA
SUA AMADA IGREJA.
VEM FACEIRA E CONTENTE
RECEBER OS ABRAÇOS
DAQUELES HUMILDES CRENTES
FIEIS E DESCALÇOS.
DA SE INICIO AO CULTO
TOCA ALI SEU VIOLÃO
Satanas LOGO È EXPULSO
NO SOAR DA CANÇÃO.
CADA CORDE QUE SOA
DAS CORDAS BEM AFINADAS
LA NO CÈU LOGO ECOA
E LOGO É ABENÇOADA.
O FOGO LOGO SE ESPALHA
VAI QUEIMANDO PARELHO
É COMO FOGO NA PALHA
A QUEIMAR PELOS JOELHOS.
ENQUANTO SOAM CANÇÕES
OS ANJOS FICAM DE PÈ
RECOLHENDO AS ORAÇÕES
DE HUMILDADE E FÈ.
ALI HÁ INTIMIDADE
ALI HÁ COMUNHÃO
ALI HÁ CRENTE DE VERDADE
HÁ LOUVOR DE VIOLÃO.
E A NOITE SE ADENTRA
LA NO MEIO DA MATA
VEM A LUA E SE AJEITA
COM O SEU OLHAR DE PRATA.
É O PAI QUE SE ALEGRA
JESUS QUE OLHA E SORRI
O CULTO AO FIM SE CHEGA
E O POVO PARTE FELIZ.

LADISLAU FLORIANO
POETA DE CRISTO
DIR.AUT.RES.-EDA/BN
 
12/01/2009 10:03:15 :: Godinho@Godinho



DEGRADAÇÃO DA ESPÉCIE

O mar engole aos milhares
Aviões explodem nos ares
Mosquitos são atrevidos
Levam doenças aos lares

Pedras que viram água
Águas que viram pedra
Homem perdendo o valor
Sangue virando moeda

Ventos,sol,tempestades
Vem e arrasam cidades
Crianças nascem sem tempo
Velhos encurtam a idade

Toda a água do planeta
Já está comprometida
O ódio excita a violência
Falência múltipla da vida

Vidas que pedem comida
Respiram se contaminando
Assistem a despedida
O sopro da vida acabando

A lua reage a visita
O sol queima e envelhece
O mar a ressaca vomita
Terremotos a terra extremesse

O vento trás o tormento
O ar corroe,apodrece
A terra berço das sementes
Sepulta suas espécies

O homem maior culpado
Insiste acabar com a terra
A ira inspirou a violência
A ganância gerou a guerra

Tudo isso é um alerta
Para a degradação da espécie
Tudo foi Deus quem criou
Pena que o homem esquece

Mas ainda não é o fim
Deus renova o que consomem
A criança que nasce é a prova
“Que ainda há esperanças no homem”
by:Godinho@Godinho
 
12/01/2009 06:22:55 :: MANOEL SERRÃO DA SILVEIRA LACERDA


GOTA DE SABEDORIA [SALMO 22]

O senhor me apascenta: nada me falta: em verdes pastos me faz recostar. Conduz-me junto das águas para descansar; reconforta a minha alma, guia-me por veredas retas, por causa do seu nome.

Ainda que eu ande por um vale tenebroso, não temerei males, por que tú estás comigo. A tua vara e o teu báculo, são estes que me consolam.

Preparastes uma mesa para mim, à vista dos meus adversários; unges com óleo a minha cabeça, o meu cálice transborda.

Benignidade e graça me acompanharão todos os dias da minha vida, e habitarei na casa do Senhor, durante longérrimos tempos
 
11/01/2009 18:12:40 :: FER FONTES(Cöllyßry)


"Lembrança do passado pela mente, vem e desperta…

Não é tema esgotado…


Mas sinal se alerta."

Cõllybry
 
11/01/2009 15:08:49 :: WILIAN CARLOS CIPRIANI BAROM


A FELICIDADE EXISTE OU NÃO EXISTE?

A Felicidade não existe. O que existem são momentos felizes. Saber diferenciar estas duas afirmações é a chave para a sua vida em felicidade.
Existem pessoas que realmente acreditam que a felicidade está na posse, no poder e na riqueza. Prova disso, é que se enganam constantemente com jogos, promessas de signos, amor, empregos e futuros. Você certamente já ouviu os seguintes comentários:

“quando eu ganhar no jogo...”,
“quando eu conseguir um amor de verdade...”,
“quando eu arrumar um emprego melhor...”,
“quando eu crescer...”.

REPAREM BEM nas coisas que acabaram de ser ditas. São afirmações muito mais complexas do que parecem. E carregam consigo, uma grande tristeza humana disfarçada numa falsa esperança de uma vida melhor. O ser humano constantemente não esta satisfeito com as coisas que tem. E acha, que aquilo que ele não tem, pode ser o que lhe faltava. É como se fossemos um buraco sem fundo e, ilusoriamente, achamos que um dia tamparemos este buraco com alguma coisa e viveremos felizes para sempre.
Sempre procuramos, nos mais variados locais, nas mais diversas pessoas, aquelas que nos prometem (não o melhor), mas simplesmente aquilo que no momento NÃO temos. Assim, enganamo-nos com amigos que prometem namorados; enganamo-nos com pessoas que prometem empregos; enganamo-nos com jogos que prometem riquezas, e nos enganamos com crenças que prometem o pós-morte a nós mortais.
O que está errado é a PROCURA e não os locais. Pois, ao procurarmos, achamos que um dia vamos encontrar. E aí nos enganamos, pois nunca encontraremos. E se encontrarmos, vamos eleger outro objeto de desejo, que não seja de nossa posse, como alvo de nossa NOVA felicidade. Você certamente já ouviu a história de que existem ricos infelizes. Isto é realmente uma prova de que o poder, a riqueza e a posse não trazem a felicidade. Mas não quero dizer também que a pobreza traz a felicidade. Isto seria, no mínimo, uma burrice.
Sendo assim, até agora podemos concluir que o homem criou o conceito felicidade e, atualmente, o vem atribuindo a tudo aquilo que ele não tem. Sabendo disso, que nunca viveremos numa felicidade plena, pois sempre acharemos algo que nos falta, podemos afirmar que esta tal felicidade nunca será alcançada, portanto, não existe e nunca existirá.
A consciência desta realidade nos permite dar o segundo passo como ser humano. Como diria Platão, sair da caverna. Já que tomamos consciência de que não estão nas coisas, objetos e pessoas a felicidade, agora sim podemos vivenciá-la de modo verdadeiro. O RECONHECIMENTO do que temos, vivemos e conhecemos é a própria felicidade. Não devemos jogar para o futuro (ou passado) as nossas esperanças. Mas sim, como alguém que sobe na árvore mais alta da floresta, olhar para toda a beleza da natureza humana que nos foi dada, e está aí, posta neste exato momento, em nossas vidas, a felicidade. Com o que temos, onde estivermos, devemos fazer o que podemos. E valorizarmos cada segundo com as pessoas que conhecemos. É a consciência de que o momento está acontecendo, que é a felicidade. Sabendo disso, finalmente nos libertamos desta cultura de consumo e conseguimos alcançar a felicidade em todas as coisas do mundo. No exato momento presente. Ao alcance de nossas mãos.

Pense nisso, e construa a sua própria felicidade!
 
11/01/2009 02:11:44 :: MANOEL SERRÃO DA SILVEIRA LACERDA


INTERLÚDIO [SerrãoManoel]

No interlúdio inupto que medra entre o rio e a baía,
preliba intrusa a península abissal.

Solerte e prévido sob o platô infindo,
há o plenilúnio e as estrelas
sem mesura vasta sobre a imensidão do cais.

Ao passo que de somenos ofício celebram em ode efêmera a bohêmia entre intermitentes permissões o caos.
No tempo
do sol o que reluz é ouro.
No tempo
da sombra o que é noite
é escuridão.

Vê se vês que no tempo
da vida quando há sangue, há plasma.
Quando há ànima, há chama.
Quando há ser, há existência apaixonada.

Não há escrínio.
Não há lex, nem há escárnio.
Viu vir que só há o inerente beijando o consuetudinário.
E o tempo do amor divino atemporal que não se acaba em água e sal.

Há o tempo do existir e do eterno emergir.
O tempo do ir para fora, onde nunca se alcança o sentido da hora.

é escolha impermanente em ebuliente decisão.

é desse viver de quê vos falo, que deixa a plêiade "bohêmia" de fora!



 
10/01/2009 16:04:20 :: Godinho@Godinho


PAIXÃO QUE VEIO PRA FICAR

Olhos se fitam,
Não se evitam,
Vozes não saem...
Silêncio que fica,
Coração que palpita,
Corpos se atraem...

O rosto aquece,
O desejo aparece...
Lábios se tocam,
Mãos se provocam,
O amor acontece...

O dia amanhece,
A paixão floresce...
Sonhos se realizam,
Vidas se eternizam,
A alma não esquece...

Do perfume que fica,
Vozes que emudecem...
Dos olhos que brilham,
Beijos que os entorpecem...

Do rosto colado,
Ainda corado,
Do ato de amar...
Das mão sobrepostas,
Buscando respostas,
No jeito de olhar...

O sol deslumbrado,
Com os apaixonados,
Prefere calar...
É tanta emoção,
Que nem mesmo a razão,
Consegue explicar...

Em meio ao silêncio,
Uma voz ao vento,
Vem os avisar...
“Eu sou a paixão,
Digam ao coração,
Que eu vim
Pra ficar”...

by:Godinho@Godinho
 
10/01/2009 14:40:07 :: VALÉRIA REITER


O HOMEM E DEUS

   O HOMEM É O FILHO, E O PAI É DEUS
O HOMEM TEM LIVRE ARBÍTRIO.SEGUE O BEM OU O MAL
A PAZ VEM DA VIDA EM COMUNHÃO COM O CRIADOR
DO UNIVERSO..DA VIDA..DO HOMEM..
E HOJE..EU ESTOU AQUI..SER HUMANO..
PROFESSOR..QUE ENSINA..OS MENORES..
O SENTIDO DE VIVER..EM HARMONIA..EM SINTONIA..
COM A PAZ..E TRANQUILIDADE..DE UM SANTO PROCEDER
AONDE MESMO PECADORES..PODEMOS NOS REDIMIR
ENSINANDO ARTE, CULTURA, ESPORTE E LAZER..
CONTINUE ASSIM..PROFESSOR LOMBA..ENSINANDO..
OS PEQUENOS..O DESPORTO SADIO..COM AMOR E PRAZER..
 
10/01/2009 13:09:08 :: MANOEL SERRÃO DA SILVEIRA LACERDA


ALGUÉM ME DISSE! [SerrãoManoel]

[DEDICO-O IN MEMORIAM DO MEU PAI                  
[AGAMENON LUCAS DE LACERDA]

Alguém me disse
que um dia as cores iriam mudar.
Falou-me que as haveriam de desbotar.

Cego de mim não "ouvir"
ou sequer encarei seu terno olhar.

Duvidar?
Duvidei do que o homem dizia.
Hoje de saudade choro até soluçar!




 
10/01/2009 11:46:25 :: ALEXANDRE BRUSSOLO


"Será que alguma vez se chega ao fim de amar? Há pessoas que já morreram e eu sinto que continuam amando..."

(Henri Barbusse)
 

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.